Siga-nos nas Redes:

Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva

Releases

Câncer colorretal é a segunda doença que mais acomete população em Belo Horizonte

10/11/2016 . Por

Perdendo apenas para o câncer de próstata e mama, esse tipo de tumor tem chance de cura em 90% dos casos

Até o término deste ano, estima-se que mais de 3 mil pessoas serão diagnosticadas com câncer colorretal em Minas Gerais, é o que aponta dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA). A partir dos dados apresentados pelo instituto, só Belo Horizonte representará 20% dos casos. Mesmo com a alta incidência, ainda é baixo o número de diagnósticos, em razão da falta de políticas públicas em relação à detecção precoce, como acontece com os cânceres de próstata e mama. No estado, o câncer colorretal perde apenas para o câncer de próstata em homens e mama em mulheres, sendo o segundo que mais mata.

 

“Esse tipo de câncer é silencioso e assintomático, mas se diagnosticado precocemente pela colonoscopia, tem chance de cura em até 90% dos casos”, afirma Ramiro Mascarenhas, presidente da Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva (SOBED). Ele ressalta ainda que o exame é indicado como investigação de rotina a partir dos 50 anos ou quando o paciente tiver histórico familiar.  

 

O especialista explica que desde 2014 a SOBED entrou na luta contra o câncer colorretal com a realização de mutirões de exames de colonoscopia pelo Brasil. A ação já percorreu as cidades de Campinas, Maceió, Rio de Janeiro, Goiânia, Curitiba, Campo Grande, Salvador e segue agora para Belo Horizonte.  “Nós sabemos que este mutirão é ainda uma pequena ação, mas nós estamos fazendo a nossa parte com um grupo de especialistas bastante motivados. Acredito que vamos conseguir sensibilizar o poder público e despertar na comunidade a necessidade de se fazer a prevenção”, finaliza Mascarenhas.

 

Para falar sobre o tema, cerca de 5 mil especialistas estarão em Belo Horizonte entre os dias 29 de outubro e 2 de novembro, participando da XV Semana Brasileira do Aparelho Digestivo (SBAD), iniciativa da Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva (SOBED), juntamente com a Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG) e o Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva (CBCD). O encontro será na ExpoMinas, na cidade de Belo Horizonte.

 

 

Sobre a colonoscopia

O exame permite visibilizar o interior do reto, cólon e parte do íleo terminal (final do intestino delgado) por meio de um tubo flexível introduzido pelo ânus, contendo em sua extremidade uma minicâmera de TV que transmite imagens coloridas, podendo ser fotografadas ou gravadas em vídeo. O exame é realizado sob sedação, não havendo nenhum desconforto ao paciente.

Serviço:

XV Semana de Endoscopia Digestiva (SBAD)

Data: 29 de outubro a 2 de novembro

Local: ExpoMinas -Av. Amazonas, 6030 – Gameleira.

Inscrições: http://www.sbad2016.com.br/inscricoes/index.php#topo

Programação: http://www.sbad2016.com.br/programacao/index.php#topo 

Site SOBED: http://www.sobed.org.br/home

 

Informações à imprensa: 
RS Press

(11) 3875-6296

Raquel Ribeiro – raquelribeiro@rspress.com.br

Lais Cavassana –  laiscavassana@rspress.com.br